1.2.18

Ciência quase exata

As minhas teorias carecem de validação científica e pode acontecer até que aparentem ser opostas ao movimento da Terra. É que não as encontrei em manuais de respeito, em textos alinhados, justificados à esquerda ou à direita. Por isso julgas que falo por falar e que ando como as crianças, atirando barro à parede e pedras aos telhados a ver se pega ou se parte. É inútil dizeres que o dicionário se me opõe e que a enciclopédia me desmente, nem adianta virares contra mim as máximas dos sábios. Segundo fulano. De acordo com sicrano. Eu estudo pelo rosto dos Homens vulgares, que cai, com a mesma naturalidade da maçã, na lama das ruas ou no regaço das mães. E nos seus gestos vejo a dinâmica das forças que mantêm o velho e obscuro equilíbrio do universo. Assim me vai sendo dada a lógica da maioria das coisas. O quotidiano é uma ciência quase exata.